terça-feira, 6 de novembro de 2012

A Saudade


Em pouco mais de 15 dias
eu pude desfrutar
da sua presença,
do seu bom e mau humor,
da sua alegria
e da felicidade que trás.

Aproveitei ao máximo
todas as manhãs
pra beija-la,
sentir seu cheiro,
ouvir seu sorriso pela casa,
abraça-la
e pra dizer o que sinto.

Depois que ela foi embora,
ficou um silêncio
que incomoda.
Olho a porta esperando o barulho da chave,
o telefone tocar
pra eu buscar no ponto
ou qualquer outro sinal.

A saudade aperta,
vem com ela a lembrança
desses dias recentes,
vem com ela a esperança
de viver isso
sempre.

Vamos em frente.

(SRed)

Um comentário:

Anônimo disse...

Sinto a falta de dormir do teu lado, acordar com seus beijos e dormir em seus braços, sinto falta dos risos, das bricadeiras. Sinto falta de você!