terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Não precisa sentar.

Depois de dois momentos
de tonturas insuportáveis
e depois de perder a voz,
fomos a um hospital,
apesar de que eu odeio esses lugares.

Tomei duas injeções
que não me deixaram sentar
por algumas horas
e ela quase morreu de rir
da minha cara.

Um dia muito bom
com a chuva que caiu agora.


(SRed!)

Nenhum comentário: