quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Indo.

Nada se compara a sensação
de acordar ao lado de alguém
que por amor
você faria tudo.

Durante todo o dia
tive a impressão
de estar livre
de todos os males cotidianos
e fico feliz
por ela ser a responsável.

Enquanto a olhava
entrando no ônibus,
percebi que voltava a ficar
sozinho.


(SRed!)

Um comentário:

Anônimo disse...

Sem palavras...