quarta-feira, 25 de maio de 2011

Em Breve

Me peguei pensando nela,
imaginando um casa
de paredes brancas,
uma janela aberta,
uma luz entrando pela sala,
um silêncio,
nós dois dormindo
abraçados,
uma música tocando
e o mundo inteiro
lá fora.


(SRed!)

6 comentários:

Anônimo disse...

Muito fofo *--*

Pobre esponja disse...

Quando estamos pensando na pessoa amada nem notamos se o mundo está explodindo ou não, hehe

abç
Pobre Esponja

Aline Diedrich disse...

Bonita poesia! Nos transporta para dentro do cenário...

Carlos Victor (Comentário Crítico) disse...

Gostei do seu blog, muito bom os textos, seguindo já, se puder segue o meu :

http://comentariocriticoo.blogspot.com

Guedes, disse...

SRed!
Que saudade senti agora, faz tempo que não venho aqui. Para falar a verdade venho me ausentando de muitas coisas, por falta de tempo, naquela correria do dia-a-dia. Vim aqui porque aprecio este espaço, gosto do que você escreve e da forma que manuseia tudo isto aqui... seu espaço me faz bem. Agradeço de coração os selos que me enviaste, fico muito contente em saber que a recíproca é verdadeira.

forte abraço de quem se importa ^^
vamos em frente
:*

Rita de Cássia. disse...

Que maravilha ler isso aqui, traz uma sensação de paz e conforto. Incrível como vc consegue fazer isso com poucas e simples palavras